07/04/2015

* PJ Leu: Não se esqueça de Paris! (+ Novidade + Dia do Jornalista)! ♥

postado por Carol Daixum

E a dica de leitura da semana é Não se esqueça de Paris, da autora Deborah McKinlay. A princípio o que me chamou atenção foi a capa e o título, mas a história foi além e já posso dizer que foi uma das minhas leituras preferidas desse ano. Vamos lá? ;-) 

Autora: Deborah McKinlay
Editora: Globo Livros

Sinopse: Eve Petworth vive reclusa em sua casa na Inglaterra. A simples ideia de cruzar a porta da frente a deixa em pânico. Ela divide seu tempo entre os livros, a culinária - suas grandes paixões - e os preparativos para o casamento da sua única filha, Izzy, apesar de considerá-la muito nova para assumir um compromisso tão importante. Em seus sonhos românticos, Eve deseja que a filha tenha uma vida amorosa mais emocionante que a sua. 

Jackson Cooper é um bem-sucedido escritor norte-americano que passa por uma crise existencial. Vive rodeado por pessoas que o admiram (especialmente as do sexo feminino), mas sente-se solitário e preso a uma relação que não o faz feliz. Nesse estado, e sem criatividade para dar prosseguimento ao seu novo livro, Jackson, sendo amante da boa comida, se aventura a preparar as mais requintadas receitas, que degusta sozinho, já que sua namorada vegetariana não prova os pratos que ele prepara com tanto esmero. 

Em um rompante de coragem, Eve decide escrever uma carta para Jackson, um de seus autores preferidos, elogiando uma passagem de uma de suas obras. Apesar de estar acostumado com o assédio das fãs, algo na carta de Eve a conquista, e uma longa troca de correspondência se inicia entre eles, na qual dividem, além de receitas, segredos, mágoas e confissões. À medida que se conhecem, Jackson, cede à curiosidade e decide marcar um encontro com Eve. Como vivem em continentes diferentes, ele a convida para um jantar em Paris, capital mundial da gastronomia (e dos amantes). Eve e Jackson terão de vencer seus próprios medos e inseguranças para finalmente viver a história de amor com que sempre sonharam. 

Minha opinião: Gente! Tem Paris no meio, estou dentro. Capa linda então? Nem se fala! ;-) Mas o livro foi além e me conquistou a cada página. Achei que fosse um livro água com açúcar, mas me enganei. Ele até trata os assuntos sérios de uma maneira leve, mas nada muito menininha. No começo, demorei para entrar no ritmo, mas quando a leitura fluiu, me apaixonei pela história até o fim. Amei os personagens centrais! E o fato deles se corresponderem por carta foi uma das melhores partes. A filha Izzy é bem mimadinha, mas ela tem os seus motivos. O pai dela, deu raivinha no começo, mas depois perdoei. A mãe da Eve? Essa aí coloca as vilãs da Disney no chão, na minha humilde opinião. O Dex, amigo do Jackson, é bem fofo. Mesmo ele tendo apresentado a tal namorada vegetariana (achei ela meio blasé). Gwen, que trabalha na casa da Eve, é a amiga que todo mundo deveria ter. Sério! ♥ 

O final é surpreendente. Quando eu pensei "sério que a história vai terminar assim?", a autora foi lá e me deu um tapa na cara. Final inacreditável, lindo e de arrancar suspiros (e no meu caso, algumas lágrimas hahaha). Amei e amei! E como sempre, tirei lições valiosas! A primeira é que todo mundo erra. Somos de carne e osso, não tem jeito! Mas o perdão é a melhor saída e o tempo também. Aliás, o tempo é o melhor remédio. As ideias ficam mais claras, sabem? A outra lição é que uma pessoa pode ser muito cruel com você, mas essa mesma pessoa pode ser a melhor coisa que aconteceu na vida de outra pessoa. E por fim: a gente nunca está sozinha! Sempre tem alguém que está lá para ajudar, é só olhar direitinho. Ah! Fiquei morrendo de vontade de me corresponder por carta novamente! Outra coisa: mesmo eu sendo fresquinha, fiquei com vontade de preparar as receitas que aparecem na história. 

Mega indico, gente! Ah! Pelo que eu li a história pode virar filme. Se isso for verdade, vou adorar! :}

E para terminar o post do dia, tenho uma novidade: sou a nova colunista do blog Sem Clichê. Toda semana, vou indicar um filme para vocês! Corre lá, gente! Uhul \o/! Ganhei o melhor presente no Dia do Jornalista. Falando nisso: é hoje! Aceito parabéns! hahaha E parabéns para todos os jornalistas que cumprem direitinho essa apaixonante e árdua tarefa.


Beijos, 
Carol. 

P.S: crédito da primeira imagem - Pequena Jornalista / crédito da segunda imagem - peguei no Facebook. ;-)


29 comentários:

  1. Oiii, amiga! Tava com saudades daqui, agora eu que andei sumida, né! Ai, várias coisas pra comentar! Primeiro: Parabéns pelo seu dia! Eu pensei muito em fazer Jornalismo na época do vestibular e, muito embora tenha optado por Direito, tenho muito carinho por essa profissão! Tô vendo aqui do lado que você tá lendo Insurgente! Eu assisti o filme lá em Santiago e amei muito! Meu marido até começou a ler Convergente, mas não me animo começar a ler uma saga pelo terceiro livro. Só ele mesmo! Mas, gostei tanto dos filmes até agora que de repente começo do começo... vou esperar pra ver tua resenha! hahaha E esse livro do post? Não tinha ouvido falar, mas tuas indicações são sempre mega bem-vindas! Logicamente fiquei super interessada, sem falar nas lições que ele traz que parecem ser muito válidas... mais um pra Meta 2015! hahaha Beijo, beijo!

    http://chezb.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, amiga! Duas sumidinhas hahaha! Mas acontece! :) Obrigada, Bru. Confesso que é uma profissão difícil, mas vale a pena. Mas a vontade mesmo é de seguir a carreira de escritora. Acho que você acabou seguindo uma boa profissão também. Quanto ao filme, amei também Insurgente. Estava lendo, mas acabei abandonando, mas depois eu volto. Não é ruim, eu que estou numa fase complicadinha mesmo. Mas assim que eu terminar, posto aqui e conto um pouco do primeiro. E sério que seu marido começou pelo terceiro? hahaha Mas como ele assistiu aos outros, acho que não vai ficar perdido não. E esse livro do post é muito bom! Vale a leitura! :) beijocas

      Excluir
  2. "tem Paris no meio, estou dentro" também eu! ahah :D beijos, querida

    ResponderExcluir
  3. tou nessa de 'envolve Paris, eu quero' hahahahahaha adoreeei ♥ eu quero mt ler esse livro, carol. deve ser mt bacana.

    parabéns pelo dia do jornalista pra gente ♥


    Beijinhos
    n. // Fashion Jacket
    www.fashionjacket.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha "tamo junto", Nath! ^^ Vale muito a leitura. E parabéns para a gente! uhul \o/! beijos

      Excluir
  4. Feliz dia do jornalista pra você também. Você está fazendo um ótimo trabalho e escreve muito bem.
    Bom restante de semana!

    http://jj-jovemjornalista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah! Que fofo! Muito obrigada e parabéns para você também. :) beijosss

      Excluir
  5. ah, só pelo nome e capa tbm já me chamou atenção rs, adorei a resenha!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  6. Carol!!! Parabéns pelo seu dia atrasado....e parabéns pela sua coluna!!!! Já tem post lá? vou ver!!!
    Sobre o livro... somos iguais no quesito "Paris" huahauhauha... nada é perdidose tem Paris no meio!!
    Então... como é que eu faço pra comprar esse livro... saraiva.com? Aí vou eu!!! huahauhauah To ferrada para ler todos os meus livros! rsrsrs

    Bjinho Carol!!!
    www.asbesteirasquemecontam.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Juju, obrigada! ^^ Tem post sim. Toda quarta vai rolar uma dica bem bacana! ;-)
      E concordo! Paris é vida hahaha! Compra sim, vale muito a pena. O livro conquista pelo título, mas a história vai além. Beijosss

      Excluir
  7. Tambem me interesso por coisas "parisienses" hehehe. Parece um ótimo livro mesmo!
    ;**

    Red Behavior

    ResponderExcluir
  8. Valeuuu pela dica!! Só vou esperar ter um tempinho a mais e comecar a ler :)

    ResponderExcluir
  9. Li a sua resenha suspirando.
    Amor, leitura, gastronomia, Paris ♥ já to com vontade de ler esse livro, que amoooooooooor.
    E achei uma bela iniciação para um romance, apesar de ter um pouco de preconceito quando um dos dois tem namorado e se afeiçoa por outra pessoa... Ta, é bobagem, e eu nem sei como a história conduz isso, mas enfim HAHAHAHAHA Me deu mesmo vontade de ler, vou caçar no skoob!
    Amei sua resenha, dê sempre dicas de livrossssssssss por favor, amo muito ♥ rs

    www.vodkaescarpin.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nanda, vale muito a leitura. Também fico meio assim quando isso acontece. Mas a forma como acontece é tranquila. Enfim, não posso falar muito se não vai rolar spoiler hahaha! Só uma coisa: corre, compra e embarca na leitura! Beijocas e pode deixar, sempre vai rolar dicas assim. Livros assim sempre tem um espaço na minha estante. :-) beijocas

      Excluir
  10. Parabéns pelo dia do jornalista atrasado {hehehe}
    Adorei o história, fiquei empolgada para ler, eu to numa fase de ler livros, e já quero ler esse, pelo que você escreveu eu não sabia que a Eve era uma vilã, achei que só fosse uma mãe meio que preocupada como todas as outras. Eu sinto falta das cartas, guardo de algumas amigas até hoje!

    http://www.carolinapeclat.com

    Beijos
    Carol

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Carol. ;-) Então, quem eu falei que era vilã era a mãe da Eve e não ela hahaha. Ela é uma fofa, que cometeu erros também, mas longe de ser uma vilã! Também sinto falta de escrever e receber cartas. Também guardo todas que eu recebia das amigas, família e tal. beijocas

      Excluir
  11. Ai gente tem Paris também estou dentro hahaha amo,amo livros que se passam na França (por isso sou apaixonada pelo Conde de Monte Cristo). Eu gostei disso de ser algo que trata de temas relevantes com leveza, infelizmente às vezes vemos os extremos, se fala de coisas importantes ou de maneira muito séria ou de maneira muito infantil e superficial.

    Parabéns pelo Dia do Jornalista ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gabi, esse livro é muito amor. Não se passa em Paris, mas tem Paris no meio. ;-) E verdade, esse livro trata assuntos sérios, mas de uma maneira leve. beijocasss

      Excluir
  12. adorei a dica !
    estou lendo cemitério de praga e estou amando
    n conhecia esse livro ainda, vou procurar
    bjs

    Linda, tem post novo no blog, vem ver *-*
    www.modaemlink.com

    ResponderExcluir
  13. Hahah me deixou curiosa para ler esse livro.
    Amei o post Carol, feliz dia do jornalista atrasado, mas o que vale é a intenção rsrsrs!
    http://www.apaixonadaporbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Carol, antes de tudo sempre um prazer te receber no Mesa pra tormar um café comigo.. Adorei seu comentário sobre "Golpe Duplo" e espero que você tenha se divertido no filme. Sobre o livro que você indicou, my oh my, você me arrebatou quando disse: "uma pessoa pode ser muito cruel com você, mas essa mesma pessoa pode ser a melhor coisa que aconteceu na vida de outra pessoa." já quero muito ler e estou caçando por aí pra baixar!
    Parabéns atrasado, para nós duas, pelo dia e por você ter conseguido esse trampo novo.
    Forte abraço e venha quando quiser, sentar a mesa comigo.

    http://mesadecafedamanha.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah! Que fofa! Seja bem-vinda sempre aqui no meu cantinho também e parabéns para a gente uhul \o/! Ainda não consegui assistir esse filme, acredita? Mas essa semana eu quero, se não daqui a pouco sai de cartaz. E quanto ao livro, essa foi uma das lições mais surpreendentes. Vale muito a leitura! Beijocas!! ^^

      Excluir
  15. MENINA, amei a capa, amei a história e amei a resenha, como não querer pra já???

    Feliz dia do jorna atrasado ♥

    http://www.novaperspectiva.com/

    ResponderExcluir
  16. Adorei a resenha do livro, fiquei curiosíssima! To amando esse tipo de livro, e to ficando afim de ler todos que você indica!
    beijos.
    http://www.amandatelo.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uhul \o/! Eu acho que vale a pena ler hehehe! beijocasss

      Excluir
  17. Sabe que a sinopse não me chamou muito atenção, e sim o fato de tu relatar ser surpreendente. Se tem algo que gosto em um livro, é isso mesmo. Ah, e ser em Paris, envolvendo gastronomia... demais!

    www.eususpiro.wordpress.com

    ResponderExcluir